Portalegre, Castelo de Vide e Marvão

Nos passados dia 11 e 12 de Novembro, vindos da Estremadura (ver artigo aqui) decidimos parar no Parque Natural da Serra de São Mamede, para conhecer Portalegre, Castelo de Vide e Marvão onde decorreu a XXXIV Feira da Castanha – Festa do Castanheiro.

Efectuamos a primeira paragem em Portalegre. Começamos por passear a pé pelo Centro Histórico. Dos monumentos mais bonitos e importantes de Portalegre destacam-se a Sé, o Castelo e as portas da antiga muralha nomeadamente a Porta do Crato (Arco do Bispo), a Porta da Devesa (Porta do Espírito Santo) e a Porta de Alegrete (Porta de São Francisco). Existem muitos outros edifícios históricos e religiosos em Portalegre. A nível de museus é possível visitar o Museu da Tapeçaria de Portalegre Guy Fino, o Museu Municipal de Portalegre, a Casa Museu José Régio e o Museu da Cortiça. Em Reguengo, existe também o Núcleo Museológico de Reguengo onde é possível visitar a colecção do artista Emílio Relvas.

Sé Catedral de Portalegre

Centro Histórico de Portalegre

Porta da Devesa – Portalegre

Castelo de Portalegre

Seguimos viagem para Castelo de Vide, onde ficamos alojados na Pensão Destino, na magnifica e antiga Estação Ferroviária de Castelo de Vide. Depois do Ramal de Cáceres ter sido encerrado em 2011, a Estação foi remodelada e convertida numa pensão para acolher turistas à região. Foi um dos locais onde mais adoramos ficar alojados em Portugal. Recomendamos!

Estação de Comboios de Castelo de Vide – Pensão Destino

No dia seguinte seguimos para Castelo de Vide, vila conhecida também por “Sintra do Alentejo”. Na estada de acesso à vila, somos surpreendidos pelo castelo rodeado de casas brancas que se destaca na paisagem.

Chegados ao centro, passeamos a pé pela vila, vistamos a Igreja de Santa Maria da Devesa e subimos até ao Castelo.

Ruas típicas – Castelo de Vide

Vista do Castelo – Castelo de Vide

Mas a maior surpresa está dentro da vila, onde encontramos um dos mais bem preservados bairros judeus (judiarias) de Portugal. Visitamos a antiga sinagoga, actualmente um museu, e passeamos pelo labirinto ruas, onde é possível as marcas deixadas pela presença judaica.

Seguimos viagem para o Marvão onde decorreu a XXXIV Feira da Castanha – Festa do Castanheiro. Devido a afluência de pessoas à Feira, não é possível efectuar a subida à vila de carro, pelo que deixamos o carro num dos parques de estacionamento da Feira e efectuamos o resto da viagem num dos autocarros previstos para o efeito.

Chegados à vila, vistamos a Feira e a Vila. Subimos até ao Castelo, onde é possível apreciar a deslumbrante paisagem da região. Junto ao Castelo foi possível comprar comida e almoçar sentados nas muralhas.

Parque perto do Castelo de Marvão

Muralhas do Castelo de Marvão

Castelo de Marvão

Chegou ao fim a nossa viagem. Ainda temos muito para visitar na região e com certeza iremos voltar.

E claro trouxemos as habituais lembranças:

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: